sexta-feira, 15 de maio de 2015

Primeiro Dia das Mães

   Começou quando eu conheci seu pai, com o tempo a diversão virou amor. Eu e o seu pai começamos a nos amar. Depois de uns anos comecei a amar a ideia de ter um bebê com ele, uma miniatura nossa. Nos amamos. E surpresa! AMEI. Amei receber a notícia que havíamos sido abençoados com um bebê. Amei ter sentido você mexer pela primeira vez na minha barriga. Amei ter visto sua forma perfeita no exame de ultrassom. Amava todas as vezes que seu pai ficava tão animado e feliz quanto eu por esperamos você. Amei quando ouvi seu chorinho pela primeira vez. Amei quando te olhei assim que saiu da minha barriga (e esse vai ser para sempre um dos grandes, se não o maior momento da minha vida). Amei ter dado o primeiro mama. Amei ter transformado a minha mãe em vó, a minha vó em bisa (e etc) com a sua presença, isso trouxe uma doçura a mais em nosso lar. Amei quando você deu o primeiro sorriso de verdade. AMO. Amo a sua capacidade de aprender as coisas. Amo a sua presença que nunca mais deixou eu me sentir sozinha. Amo quando no meio de uma noite estressante você me olha com os olhinhos explodindo amor e da aquele sorriso para abastecer os ânimos. E hoje amo o meu primeiro dia das mães. Não é um dia só meu, é seu também, afinal, se não fosse você ele não faria sentido nenhum. E amo seu pai por ter entrado nessa "loucura" comigo tão cedo. Amo por ele nos amar, por nos cuidar. Amo porque ele realizou meu sonho de ser mãe. AMO AMEI AMAREI, isso é tudo que sinto e quero sentir pro resto da minha e nossas vidas: AMOR!

  Domingo (10/05) foi meu primeiro dia das mães, e foi um dia muito esperado por mim já que é um dia especial não só para mim mas para ele também! 
  Eu dormi no Neto, acordei e ele estava lá embaixo com o Frederico para terminar meu presente então eu aproveitei e fui tomar banho. Saindo do banho meu presente estava em cima da cama, uma caixa cheia de fotos desde quando eu estava grávida até agora com o Frederico, dentro tinha um box da série que eu estou louca para ver, um livro de pintar especial para mães, muitas guloseimas e um cartão lindo escrito pelo Neto e pelo Frederico HAHAHA.
  Para não dar problemas, demos um pulo no restaurante que a mãe do Neto estava almoçando e ficamos um pouco lá. Depois fomos para casa da minha tia onde estava minha mãe com a minha vó e depois fomos tomar um sorvete na cidade vizinha só eu, o Neto e o baby <3
  Foi um dia maravilhoso, tão especial quanto eu desejava!! E eu só tenho a agradecer a Deus pela oportunidade de ser mãe desse bebê perfeito que só me da orgulho e alegria!! :)


 Meus presentes <3


Um comentário: